Você está aqui:Home » Atividade Física » Abdominal sozinho não fará você se sentir bem com sua barriga

Abdominal sozinho não fará você se sentir bem com sua barriga

Share Button

Não é preciso pesquisar muito para saber que a parte do corpo que mas faz as pessoas não se sentirem bem consigo mesmas é a famigerada barriga.

Seja homem, seja mulher, os pneuzinhos a mais na cintura são o pesadelo de quem deseja entrar em forma e conseguir uma aparência mais saudável e elegante.

Ciente desse desejo coletivo, a indústria do fitness oferece uma larga quantidade de produtos e aparelhos abdominais que prometem acabar com a barriguinha. É preciso entender, entretanto, que abdominal não tira barriga!

Você deve saber que os pneuzinhos na cintura nada mais são do que gordura acumulada. A única maneira de conseguir uma barriga definida é eliminar esse excesso de gordura. Isso pode ser feito naturalmente queimando-se calorias com atividades aeróbicas de longa duração (corrida, caminhada, bicicleta etc.) ou através de técnicas como a lipoaspiração e a hidrolipo.

A lipoaspiração é uma intervenção médica na qual se aspira a gordura do corpo. Já a hidrolipo é realizada com a aplicação de soro fisiológico no tecido subcutâneo. Esse procedimento prepara as células de gordura para que recebam a ação térmica do ultra-som. Os resíduos são metabolizados pelo organismo.

A importância do abdominal

O exercício abdominal é importante para desenvolver o músculo. Aqueles abdomes cortados que vemos nos comerciais de aparelhos abdominais só aparecem porque não há por cima dos músculos desenvolvidos praticamente nenhuma gordura.

Fazer exercícios abdominais é ótimo porque está se trabalhando um músculo que ajuda a proteger a coluna, encaixando melhor o quadril no tronco. Mas não vá achar que é através dos abdominais que se queima a gordura da barriga.

Se você não praticar exercícios aeróbicos que gastem mais calorias do que ingeriu, ou em último caso não adotar técnicas como a lipoaspiração e a hidrolipo, não vai perder gordura e a barriga continuará lá.

 

 

Share Button

comentários (4)

Deixe um comentário

Voltar para o topo