Você está aqui:Home » Dieta » Desafio: um mês sem consumir alimentos brancos

Desafio: um mês sem consumir alimentos brancos

Desafio: um mês sem consumir alimentos brancos
Share Button

Uma regra que os nutricionistas têm passado para quem quer melhorar a alimentação é evitar consumir alimentos “brancos”. Com isso, eles estão se referindo sobretudo ao açúcar, à farinha de trigo ou de milho e aos cereais refinados (como o arroz branco) e às batatas brancas.

Você conseguiria vencer o desafio de ficar 30 dias sem comer nada “branco”? Isso significa cortar doces, tortas, refrigerantes, pão branco, salgados, batata-frita, purê, arroz branco etc. Tudo o que leve açúcar, farinha de trigo e de milho, arroz e batata branca. Se você fizer isso, estará dando uma boa (se não completa) baixa nos carboidratos refinados.

Esse tipo de carboidrato gera picos de insulina ao caírem diretamente na corrente sanguínea, visto que não possuem fibras para serem digeridos lentamente.

Como esses picos de energia raramente são utilizados, o organismo acaba transformando tudo em gordura.

Quem entrar nesse tipo de alimentação deve substituir os cereais refinados pelos integrais. O grão integral, como o próprio nome diz, é completo, incluindo a casca e as fibras. Então pão branco deve ser trocado por pão integral, arroz branco por arroz integral, macarrão branco pelo integral e assim vai.

As batatas e seus derivados também devem ser trocados, nesse caso pela batata-doce.

E o açúcar? Esse parece ser o ponto mais complicado. Os adoçantes, embora sejam menos calóricos, possuem quase sempre efeitos colaterais que não os coloca como uma alternativa saudável.

O jeito é realmente diminuir a dependência do doce e saciar com fontes naturais nosso desejo por doces. Isso significa basicamente frutas e mel de abelha.

O objetivo não é cortar carboidratos da dieta e sim substituir os carboidratos refinados, de alto índice glicêmico, pelos complexos. Além da substituição por cereais integrais, lembre-se de consumir também boas fontes de carboidratos complexos, como feijão, grão-de-bico, lentilha, quinoa etc.

Share Button

comentários (2)

Deixe um comentário para Personal Five

Voltar para o topo