Você está aqui:Home » Beleza » Qual o impacto do estresse na pele?

Qual o impacto do estresse na pele?

Share Button

Sabemos que o estresse é nocivo à da pele. Veja esse post publicado na série Hábitos que envelhecem a sua pele.

Estresse causa envelhecimento da pele

Além da liberação de corticoide e adrenalina, fatores que afetam os hormônios, o estresse também diminui as defesas naturais e leva o organismo a consumir mais nutrientes do que o normal para se equilibrar. Isso predispoe a pele à doenças e infecções.

Durante o estresse o organismo prioriza a oferta de sangue para órgãos como o pulmão e o coração e, dessa forma, deixa de fornecer nutrientes e oxigênio à pele.

Consequência disso é a diminuição da capacidade de renovar as células e da produção de colágeno. Sem a renovação das células e sem o colágeno o rosto perde o viço e passa a ter uma aparência envelhecida.

Sem os nutrientes e oxigenação, a pele diminui a retenção de água, se resseca e fica flácida e sem brilho. Isso sem contar com a possibilidade de perda maior de liquido causada pelo aumento do suor numa situação estressante.

Não é possível viver sem o estresse. Então, temos que  diminuir o impacto no organismo.

Para isso, você deve:

  • Ter uma alimentação saudável, para oferecer mais nutrientes ao corpo;
  • Aumentar a ingestão de líquidos, para reforçar a hidratação;
  • Praticar exercícios regularmente, para ter bem-estar.

Há, também, outros fatores que ajudam:

  • Cuidados com a pele (limpeza de pele, hidratação, protetor solar)
  • Tratamentos (radiofrequência ou laser fracionado, peeling de ácido retinoico ou glicólico)
  • Suplementos (antioxidantes, vitaminas E e C)

Não deixe que o estresse lhe envelheça.

Share Button

Deixe um comentário

Voltar para o topo